Após agredir esposa, ajudante é assassinado em Mogi - O Diário - Mogi das Cruzes , Suzano e Região do Alto Tiete
Fechar

           DESTAQUE

Após agredir esposa, ajudante é assassinado em Mogi

DESTAQUE, Policia

O ajudante geral Flávio Munhoz de Andrade, de 27 anos, foi baleado às 19h45 de sábado (10), na Rua Lourenço Della Nina, em Jundiapeba, mas apesar de socorrido não resistiu aos ferimentos e morreu. A Polícia apurou que momentos antes, ele havia agredido a esposa por se sentir traído. Ele saiu de casa e teria sido atacado por homens que ocupavam um veículo. O delegado José Carlos dos Santos Alvarenga, de plantão no 2º Distrito Policial, em Braz Cubas, acionou o Setor de Homicídios e registrou o crime.

Na mesma Delegacia, em Braz Cubas, a Polícia prendeu e autuou em flagrante o pedreiro Isaias Soares, de 51 anos, depois de ele ter sido acusado de tentar matar a golpes de faca Paulo Roberto de Oliveira dos Santos Júnior, de 20 anos. A tentativa de homicídio foi praticada na esquina da Avenida Alexandrina de Paula com a Rua Joia, na Vila Joia.

O pai da vítima, Paulo Roberto, disse que a briga começou quando o autor do crime (Isaias) quis passar com a bicicleta pela calçada e o seu filho o mandou ir para a rua. Para a Polícia, os dois estavam bêbados.

Compartilhe nas redes sociais...Share on LinkedInTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone