Nossa Petrobras sob nova gestão - O Diário - Mogi das Cruzes , Suzano e Região do Alto Tiete
Fechar

           ARTIGOS

Nossa Petrobras sob nova gestão

Artigos

Cláudio Costa
claudio.costa@vicanholding.com

Nesta semana tive a felicidade de assistir a entrevista do atual presidente da Petrobras, Pedro Parente, com o jornalista Roberto Dávila. Sou Fã dos dois, mas principalmente do Pedro Parente.

Durante minha carreira como executivo de empresa ou entidade de classe, tive a oportunidade de participar de algumas reuniões com a equipe económica do então presidente Fernando Henrique Cardoso. Na oportunidade discutíamos soluções de melhoria na produtividade agrícola através da renovação de frota de equipamentos voltados para a agricultura. Assim nasceu o Moderfrota, programa amplamente utilizado pelos agricultores, contribuindo de forma significante para o sucesso da agricultura brasileira. Pedro Parente teve papel fundamental na implementação deste plano, bem como na solução da falta de energia quando era ministro chefe da casa civil do mesmo governo.

Assim nasceu minha admiração por ele, principalmente pela inteligência, humildade e a capacidade de buscar soluções para o bem comum da sociedade como um magnifico gestor publico.

Todos nós sabemos dos problemas que a Petrobras passou nos últimos anos e não quero aqui falar dos culpados pois todos nós sabemos quem são, mas acho importante compartilhar com vocês o que este homem fez em apenas um ano e meio à frente da maior empresa brasileira.

Imediatamente após assumir a empresa trabalhou firme nas questões de governança, centralizando as atividades de suprimentos em uma só diretoria e todas as aprovações de compra passaram a ser compartilhadas, ou seja, ninguém decide nada sozinho. Do ponto de vista financeiro, recuperou a lucratividade, negociou o alongamento da divida, vendeu ativos, diminuiu o endividamento, eliminou mordomias e desperdícios, cortou custos, etc…Do ponto de vista de estratégia reposicionou a empresa no mercado global tornando-a, novamente, um grande produtor mundial.

Hoje, a Petrobras, através do pré-sal, possui reservas petrolíferas capazes de garantir a longevidade de extração e produção para pelo menos mais 50 anos com custos de produção cada vez menores sendo tudo com tecnologia nacional. Além disso, já em 2018, vários estados (Rio de Janeiro, São Paulo e Espirito Santo) terão suas receitas melhoradas graças aos Royaties gerados alem de recursos adicionais que deverão ser utilizados para a Educação.

Assim, fico feliz em compartilhar e dizer que pelo menos temos alguma coisa boa para comemorar já que a Petrobras é de todos nós brasileiros.

Cláudio Costa é empresário e economista.



Compartilhe nas redes sociais...Share on LinkedInTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Email this to someone